segunda-feira, 14 de abril de 2014

http://expressionesthe.blogspot.com.br/2011/09/expressiones-poemas-ivone-boechat.html

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Liberdade

Ivone Boechat


A liberdade não é um pássaro voando no azul do infinito, sem destino, sem consciência: ser livre é ser infinito em cada destino, é saber porque e para que voar naquela direção.

A liberdade propõe autonomia e habilita a sair das cavernas para abrir os olhos e ver as próprias oportunidades. A pessoa livre não depende, compartilha, não estende a mão para receber, sem trabalhar, porque é um ser inteligente capaz de superar, avançar, aprender, produzir. A liberdade é a mãe da igualdade: ela não sustenta a pobreza, ela socorre na fome emergencial, mas ensina seus filhos a pescar.

A liberdade mobiliza, não paralisa. Ela inclui. Jamais exclui alguém pela raça, pela camada social, pela etnia, pela fé que professa, pelo pensamento político/ideológico. A liberdade põe de pé, dá energia para concorrer e vencer, chegar junto, sem deixar pessoas clamando na beira do caminho eternamente.

A liberdade não censura, não se desculpa, não discrimina, ela ensina o discurso e a postura dos iguais perante a lei e canta junto o hino cívico, sem interferência de apartheid. A liberdade é o espelho onde se mira a responsabilidade.

A liberdade é atributo do ser humano. Ela não aceita máscara, mentira, submissão, nem tem medo da verdade, porque só a verdade liberta.

Ser livre é não estar comprometido com nenhum tipo de constrangimento e nem estar carimbado por siglas que reduzem a velocidade no caminho da paz. Para ser livre há sacrifícios e não guerra!

Ser livre não é impor conceitos, filosofia, ideologia, religião, política. Ser livre é ter sabedoria para viver a verdade sem atropelar o tempo e o espaço, no limite do outro. Quem impõe não sabe o que é liberdade. Quem apoia a servidão, a escravidão, o sequestro de ideias ou se regozija com a prática de manter pessoas reféns de qualquer projeto político, tem discurso provisório e frágil de liberdade. Finge-se libertador.


  "...Liberdade, essa palavra que o sonho humano alimenta que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda..." Cecília Meirelles.

quarta-feira, 19 de março de 2014

Clique aqui:
http://www.carmovasconcelos-fenix.org/LOGOS/LOGOS-6JAN-2014-28.htm
 Carta ao meu pai, pastor Fanini, no dia do seu aniversário: 18 de março


Hoje lembro-me do meu querido e saudoso pai, Nilson Fanini, no dia do seu
aniversario, teria sido o seu 82º Foram tantos momentos de alegria que
tivemos juntos que hoje passaram como filme. Ele foi um verdadeiro
exemplo de pastor, quantas almas alcançadas, em 60 anos de ministério, após
a sua ordenação na Igreja Batista da Tijuca. Como gostaria de que ele pudesse ver os frutos das sementes plantadas através dos anos. Foram muitas as vitórias vividas, resultado de seguir a visão que Deus o concedeu. Quantos
ministérios ele começou: televisão, radio, acampamento, cruzadas,
o Seminário Batista de Niterói, livros publicados, viagens pelo mundo afora e por ai vai.
Recordo-me claramente que ele sempre tinha um momento extra para ajudar
uma ovelha a mais. Ele dizia: "Minha fiiiiiiilha, eu tenho que
ajudá-lo". Sempre estava pronto a atender a qualquer clamor, seja
familiar, no trabalho, espiritual, relacionamento, etc. Realmente
incrível como ele pode realizar tanto? Só pela graça de Deus! Ajudava a
tantos, mas sempre estava presente como pai. Ate chegou a abençoar a
minha querida filha, Nataly, de apenas duas semanas. Como ele ficou feliz
quando a conheceu. O pai também me batizou e realizou meu casamento. Tenho certeza de que quando nos reunirmos novamente no céu, irei confirmar que o saldo das suas realizações é positivo. Ele nunca se queixou do trabalho, dos desafios enfrentados, sempre disposto a escutar e ajudar ao próximo. Como gostava de contar piadas, gente, e sempre era o que mais achava graça. E de pregar nem se fala. "Você conhece o meu amigo Jesus?" Era clássico, não falhava. "Que todo o povo de Deus diga..." ou "Deus é bom, toda vida. Toda vida, Deus é bom." Ele foi um pai maravilhoso, não o troco por nenhum outro no mundo.
Foi pai nota 1.000. "Portanto meus amados irmãos, sede firmes e
constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que a vossa obra
não é vã no Senhor”. Esse era um dos versículos que ele gostava muito,
do apostolo Paulo. Como gostaria de poder abraçá-lo hoje, bem forte estilo
vascaíno. Então, peco ao meu representante, Jesus, que o abrace em meu
nome. Pai, eu te amo até no céu. Parabéns! Obrigada aos amigos que o amaram e oraram por ele.

Margareth Fanini (filha)


sábado, 8 de março de 2014

domingo, 16 de fevereiro de 2014

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Ivone Boechat
Cursos e Conferências na área da educação

Contatos:
21 36024674
     988860901
     987231211
     984991211

e-mail: i.boechat@terra.com.br

blog     www.ivoneboechat.blogspot.com

Algumas sugestões de cursos e conferências

A Família e os grandes desafios da educação
Autoestima e motivação como alavancas da educação
A arte de formar educadores para o para o uso inteligente das emoções
A Arte de viver -o maior desafio da educação
A Arte de educar cidadãos para se construir um mundo melhor
A criança e suas emoções
A relação entre a Família, a Escola e a Aprendizagem
A subjetividade de ser professor no contexto da sociedade atual
A avaliação numa abordagem social
Competência@atitude.com
Como a criança aprende
Conflitos e confrontos da sociedade pósmoderna
Como se formar um líder competente emocional
Cultura Visual como instrumento de cidadania- nova leitura do mundo.
Dificuldades da Aprendizagem ou dificuldades com palavras?
Disciplina: padrão de vida
Desafios da docência na gestão da aprendizagem
Educando para a competência Ética: construindo valores na Escola para a Família e a Sociedade
Educação na infância-investimento para a vida
Educação integrada e valores humanos
Educação: semente para a transformação social
Estratégias para encantar educadores na Arte de Aprender
Habilidades sociais- administrando conflitos da sociedade pós-moderna
Jesus- o maior educador de todos os tempos
Letramento: uma leitura da vida
Motivação para educar na adversidade
Nós da educação desatando nós da educação
Novas competências didáticas numa abordagem da inteligência emocional
O poder de criação do professor
O futuro chegou...a educação se atrasou!
Perspectivas da educação para um mundo possível
Professor: desafios e perspectivas do profissional na construção da educação de qualidade.
Transdisciplinaridade numa visão global da educação

Um projeto disciplinar para a Família,